Alimentos ricos em vitamina A tabela

Para alimentar de forma saudável e equilibrada conheça quais os alimentos ricos em vitamina A e quais seus benefícios para o organismo.

Assim como o carboidrato, proteína e lipídeo as vitaminas e os sais minerais são importantes para a nossa saúde, por isso, conhecer quais alimentos devem fazer parte da nossa dieta é indispensável para quem busca uma rotina alimentar equilibrada. O homem necessita de poucas quantidades diárias de vitaminas, mas isso não significa que elas são menos importantes que qualquer outro nutriente e, uma dessas vitaminas é a vitamina A, de grande importância para organismo. Conhecida popularmente como a vitamina da visão, desempenhando papel fundamental na manutenção do globo ocular. Confira algumas informaçãoes sobre a vitamina e quais são os alimentos ricos em vitamina A:

Funções da vitamina A

lupa nos olhosA vitamina A é formada por três compostos, chamados de retinal, retinol e ácido retinóico. A vitamina A é uma vitamina lipossúvel absorvida no intestino através da ajuda dos sais biliares. Suas funções estão relacionadas com o mecanismo da visão, fortalecimento da pele, controle de lesões dermatológicas, estimulação da fagocitose das células,  diferenciação e crescimento das células epiteliais, ósseas e dentárias e é anticarcinogênica.

                       

Alimentos ricos em vitamina A tabela

Confira uma lista dos alimentos campeões em vitamina A (em microgramas a cada 100 gramas do alimento):

Cenoura: 2.025
Abóbora: 1.310
Manga: 805
Espinafre: 739
Melão: 561
Repolho: 198
Ervilha: 955
Tomate: 283
Couve: 250
Ameixa: 213
Aipo: 160
Queijo prato: 72
Salsa: 631
Alface: 2.912
Damasco: 914
Brócolis: 2.280
Orégano: 207
Feijão: 832
Pepino: 223
Melancia: 556
Aboborinha: 516
Fígado de boi: 10.700
Mamão papaia: 863
Batata doce: 1.310
Ovo de galinha: 225
Pimentão vermelho: 212
Laranja: 268
Leite de vaca: 500

Vitamina A recomendação diária

Em homens adultos a dose diária recomendada é de 900 mcg e para a mulheres, 700 mcg. Já para crianças e gestantes, esse valor apresenta diferenças. Acompanhe a tabela abaixo:

Gestantes: 800 mcg
De 0 a 6 meses: 375 mcg
De 7 a 11 meses: 375 mcg
De 1 a 3 anos: 400 mcg
De 4 a 6 anos: 500 mcg
De 7 a 10 anos: 700 mcg

Consequências da falta de vitamina A no organismo

Garota comendo brócolisSua deficiência no organismo leva a problemas como xeroftalmia, que se trata de um nome genérico dado aos mais variados sinais e sintomas oculares da hipovitaminose A. Entre os problemas está a nictalopia – cegueira noturna, um dos sintomas mais precoces da hipovitaminose A, queratomalácia que é a necrose da córnea, frinoderma que são lesões na pele e xerodermia que é quando a pele fica áspera, seca e escamosa. Além disso, a hipovitaminose A pode causar retardo no crescimento, maior suscetibilidade a infecções e a células cancerígenas e redução do olfato e paladar.

Consequências do excesso de vitamina A no organismo

Já a hipervitaminose A, leva a problemas como dores ósseas, queda descontrolada de cabelo, náuseas, vômitos, visão dupla, diarreia, ressecamento da pele, fissura nos lábios, falta de apetite, cansaço, sangramentos, irritabilidade, dor nas articulações, problemas no crescimento, tonturas e cefaleia.

Alimente-se corretamente e tenha uma vida saudável e feliz.

Leia mais sobre alimentos ricos em vitaminas e minerais

Nenhum voto, seja o primeiro



Thaís
16/07/12



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
  1. oii a Vitamina A ajuda no crescimento de cabelo?se nao entao oque poderia ajudar ?atenciosamente

    amanda rodrigues santos
    17/10/13 às 18:39
  2. foi útil a informaçao para mim ,apesar de nao tenho problemas de vista ,mas investiguei por curiosidade pessoal e futura prevençao da vista. . .

    antonio pedro sitoe
    04/03/13 às 15:13