Animais em extinção da Floresta Amazônica

Infelizmente, caça e desmatamento provocam a extinção de algumas espécies da Floresta Amazônica, a maior do mundo em biodiversidade

Onça Pintada

Considerada o pulmão do mundo, a Floresta Amazônica tem 7 mil Km² de extensão e é uma das riquezas das quais o Brasil mais se orgulha. A Floresta abriga cerca de 20% das espécies de plantas e animais já “registradas” por todo o mundo. Nove países fazem fronteira com a Floresta, mas a maior parte dessa imensa joia da América Latina concentra-se em território brasileiro, nas regiões do Amazonas, Amapá, Acre, Pará e Roraima.

                       

Mesmo sendo berço de muitas espécies de plantas e animais, a Floresta Amazônica sofre com sérios problemas como desmatamento e caça de animais. Com as condições ambientais alteradas e a matança crescem os número de animais em extinção da Floresta Amazônica. Confira algumas espécies apontadas na lista Oficial das Espécies da Fauna Brasileira Ameaçadas de Extinção, publicada pelo Ministério do Meio Ambiente em 2003:

Jaguatirica

JaguatiricaConhecida como gato do mato, a jaguatirica (Leopardus pardalis mitis) é um dos principais felinos do continente Americano. Até os anos 80, a caça para a retirada da  pele era o principal motivo da extinção. A partir dessa data, altos indíces de destamento e a fragmentação da floresta provocaram o que é conhecido como isolamento genético De acordo com dados da Embrapa, apenas de 3 a 6% da população de jaguatiricas é protegida legalmente.

Peixe Boi da Amazônia

Peixe boi da Amazônia O peixe-boi da amazônia (Trichechus inunguis) pode chegar a medir 2,8 m e pesar 450 quilos e é espécie vulnerável à extição. A ameaça deve-se a caça predatória: a carne do animal é bastante apreciada e o couro, que era usado como armadura por índios, virou “moeda de ouro” a  partir da industrialização adentrando as florestas. Outro fato de preocupação é a seca que provoca a falta de alimentos nos rios.

Arara Azul Grande

Arara Azul grandeConhecida como Araruna, a arara azul grande (Anodorhynchus hyacinthinus), considerada um animal bastante exótico, sofre com a extinção por conta do comércio ilegal. Há séculos, as araras e outras espécies, como o papagaio são capturads para viver como animais de estimação ou para retirada de penas para a fabricação de ornamentos. Segundo o IBAMA, a situação da Arara Azul Grande é vulnerável, enquanto a arara azul pequena já está extinta.

Ariranha

AriranhaChamada popularmente de Onça-d’água, a ariranha (Pteronura brasiliensis) é vítima da caça ilegal para a comercialização da pele. Outro fator de influência é o destamatamento e a contaminação dos meios aquáticos por agrotóxicos e outras substâncias. Já extinta na Argentina e no Uruguai, a espécie é encontrada em poucos locais no Brasil graças a projetos de preservação. Infelizmente, é necessário que sejam mantidos em cativeiro, até que a população atinja um número satisfatório, o que ainda não tem previsão.

Além destes animais, muitos outros estão em extinção, como, por exemplo, Flamenguinho,Veado Campeiro, Mico Leão Dourado, Onça Parda, Doninha Amazônica, Lobo Guará, Boto Cachimbo, Arara Piranga, Tucano de Bico Preto, Papagaio Pica-Pau Coleira, Arara Vermelha, Harpia, Pica-Pau Cara Amarela, Arara da Barriga Amarela e outros.

Descubra mais sobre a Floresta Amazônica e animais em extinção

2 votos



Thaís
17/07/12


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
  1. isto ‘e um absurdo!!!
    tantos animais em extincao
    O mundo esta acabando e a culpa ‘e do homem!!!
    Ajudem os animais por favor!!!

    Nicolly
    11/08/13 às 16:34
  2. salve os animais,ajude o mundo a ser melhor

    ketlen lima melo
    09/06/13 às 13:01