Celular já pode assumir as funções de cartão de crédito

Com a efervescente tecnologia dos smartphones e seus aplicativos, já é possível realizar operações de crédito e débito pelo celular.

Pagamento de passagem pelo celularCom a popularização dos cartões de crédito e débito, as operações com dinheiro em espécie já tornaram-se mais escassas em grandes centros urbanos. Mais seguro e prático, os cartões bancários facilitam a vida de quem teme assaltos ou quer manter-se precavido para qualquer circunstância em que haja necessidade de “dinheiro na mão”.

Com a enxurrada de funcionalidades dos tablets e smartphones – os novos itens de desejo do mercado tecnológico – esse quadro que conhecemos tende a mudar. Segundo especialistas de mercado, em uma década as operações de pagamentos serão intermediadas pelos aparelhos, que passarão a substituir o dinheiro e o cartão de crédito e débito, no chamado mobile-payment, ou m-payment. Segundo a Pew Research Center e a Universidade Elon, nos EUA, os dispositivos de bolso já serão forma comum de pagamento de compras em 2020.

O economista chefe do Google, Hal Varian, em resposta à pesquisa, afirmou que a expectativa de data pode ser um pouco otimista, mas, de fato, a transformação das operações de pagamento ocorrerá. E completou "o que há em sua carteira agora? Documento de identidade, meios de pagamento e artigos pessoais. Tudo isso pode estar facilmente em um dispositivo móvel e inevitavelmente estará”.

Como o serviço é oferecido?

Google Wallet cardsEm 2011, a Google lançou o serviço “Wallet” para os usuários dos EUA. As informações bancárias são sincronizadas com o smartphone com operacional Android. Nos estabelecimentos comerciais em que o Wallet é aceito, basta apenas que os aparelhos – de quem compra e de quem vende – sejam aproximados e a transferência é feita pelo dispositivo NFC - transmissão de dados em curtas distâncias. Na Europa, Samsung e Vodafone já firmam parceria para  serviços de m-payment.

No Brasil

Google WalletNo Brasil, a Nokia, que utiliza o operacional Symbiam, e o sistema Pag Seguro disponibilizaram na semana passada um aplicativo para os smartphones C7, N9 e 701 com NFC. O aplicativo está disponível para estabelecimento e cliente. Para que a transação se realize, basta que os aparelhos estejam próximos (cerca de 3 cm) e rodando o aplicativo do PagSeguro, que funciona como um mediador para transações on-line.

Mais sobre Celular já pode assumir as funções de cartão de crédito

As informações são recebidas pelo PagSeguro, que se encarrega de liberar o pagamento com o banco. Em breve o aplicativo estará disponível também para os operacionais Android e iPS, segundo a gerência de projetos do PagSeguro.

De acordo com a especialista em Meios Eletrônicos de Pagamento, Silvana Machado, que é vice-presidente da AT Kearney, mesmo que haja uma prévia preocupação com uma possível invasão de privacidade ou até mesmo com a permanência do dinheiro físico no bolso do brasileiro , o pagamento através de dispositivos como tablets e celulares será cada vez mais comum. "A tendência é de que o consumidor que está cada vez mais acostumado com soluções eletrônicas, aceite isso bem”, argumenta.




Jessica
19/04/12

Mais informações por email.

Comentar sobre Celular já pode assumir as funções de cartão de crédito

Destaque

Modelo de declaração de serviço

Modelo de declaração de serviço