Derrame no olho o que fazer?

O derrame no olho pode ocorrer devido a súbita elevação da pressão arterial, por estresse ou esforço físico, é necessário fazer exames.

O derrame nos olhos é algo simples e não deve ser causa de preocupação: a vermelhidão passa dentro de alguns dias.

A hiposfagma, mais conhecida como derrame ocular, é o tipo mais comum de sangramento na superfície do olho. Este sangramento ocorre entre a esclera – a parte branca do globo ocular e a conjuntiva – a fina membrana do globo ocular que recobre a esclera. Outro sangramento, o intraocular, não deve ser confundido com o derrame no globo ocular.

                       

Este está ligado à lesão da retina como retinopatia diabética, algum trauma ou mesmo deslocamento de retina, em que a pessoa sofre diminuição da visão, devendo ser examinado por especialista. Com relação à hemorragia no globo ocular, por vezes não se encontra suas causas, mas dentre elas, podem fazer estar a súbita elevação da pressão arterial, vômitos ou problemas na coagulação do sangue por outras situações mais raras.

Veja o que fazer em situações onde seu olho está com derrame.

Como identificar o derrame no olho?

Derrame no olho

A vermelhidão no olho é causada pelo rompimento de pequenos vasos sanguíneos, mas a hemorragia não causa dor, não arde e não provoca secreção assim ficando mais difícil de fazer diferenças para a procura de um médico, porém é necessário.

A partir da coloração muito intensa, que “mancha” o globo ocular, e fazer com que a pessoa não possa ter uma visão normal é possível identificar o problema do derrame no olho.

As maiores vítimas do derrame são pessoas que apresentam pressão arterial elevada, que passaram por grande estresse ou fizeram muito esforço físico.

Como tratar o derrame no olho?

Pingando colírio

Qualquer anormalidade no olho sempre é motivo de preocupação e a hemorragia ocular é uma delas. Porém, tal preocupação não deve existir, pois é um quadro que não causa nenhum transtorno à visão.

Por isso é tão importante fazer um exame, pois é através de um exame oftalmológico que o médico terá a certeza que é uma hemorragia e que o mesmo não trará consequências prejudiciais ao globo ocular, pois o sangue será reabsorvido pelo organismo.

Dificilmente este sangramento apresenta repetição, mas, se ocorrer, os procedimentos terão mais zelo, para a garantia de que não ocorreu uma lesão provocando o sangramento, lembrando que deve sempre fazer exames médicos para melhores informações do médico especialista.

Derrame no olho causas

Olhos coçando

Raramente são os casos onde o paciente consegue apontar uma causa para o derrame no olho. Não há exatamente um exercício ou ato que provoque certamente o derrame no olho.

As causas mais comuns para o derrame nos olhos são: coçar o olho ou esfrega-los durante o sono, uma pressão na cabeça exercida através de atividades físicas como o levantamento de peso, tosse contínua, espirros e até as ânsias de vômito podem causar o rompimento de alguns vasos sanguíneos, provocando assim um derrame nos olhos.

As alterações na pressão arterial também podem fazer com que haja um início de derrame nos olhos.

O derrame no olho melhora espontaneamente, isto é, mesmo sem fazer tratamento, o que pode ocorrer num espaço de sete a vinte e um dias para o organismo fazer com que desapareça.

É muito importante frequentar um oftalmologista com regularidade. Nesse vídeo do Youtube, você confere mais sobre a saúde ocular:

Sobre a Saúde ocular

Saiba mais sobre derrames e o que fazer

4 votes



Adeni
13/04/12



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook