Diferenças entre Atenas e Esparta

Há muitas diferenças entre Atenas e Esparta. Desde a forma de governo, até o papel de mulher na sociedade e as formas de educação.

Atenas e EspartaUm dos temas mais importantes quando estudamos a Grécia Antiga são as diferenças existentes entre seus dois maiores povos: os de Atenas e os de Esparta. Até pouco tempo atrás, era comum encontrarmos livros que tratavam do assunto de maneira equivocada, dizendo inclusive que as duas cidades tinham quase todas as características em comum. Isso é um engano, e vamos explicar o motivo, a partir de uma breve análise das principais diferenças entre as culturas dos dois povos:

A democracia ateniense

Democracia atenienseO regime democrático que vigorava em Atenas era muito diferente da forma de governo espartana. Em Atenas, defendia-se um tipo de “governo do povo”, em que a população tinha o direito de escolher seus líderes. Mesmo essa democracia sendo um pouco controversa – apenas cerca de 20% dos atenienses tinham direito a voto -, havia grande diferença em relação ao modelo espartano, no qual as decisões políticas eram tomadas por um grupo de 28 homens, maiores de 60 anos.

                       

As mulheres espartanas

Imagem sobre exército espartano.Outra diferença grande aparece quando estudamos o papel das mulheres nestas sociedades. Em Esparta, a educação para as mulheres era rigorosa e buscava desenvolvê-las física e psicologicamente. As mulheres espartanas tinham representatividade nas reuniões públicas, cuidavam do patrimônio da família e disputavam modalildades específicas nos esportes locais. Em Atenas, a função das mulheres era unicamente o trabalho doméstico e a reprodução.

Para finalizar, a educação era praticamente oposta nas duas cidades. Em Atenas, a grande função da educação era desenvolver no aluno a capacidade de entender os fenômenos da terra, buscando equilíbrio entre sua mente e seu corpo, e era incentivado o pensamento filosófico.

A educação espartana, por sua vez, buscava educar as crianças para a formação de exércitos e poderio militar, portanto o desenvolvimento intelectual era pouquíssimo incentivado.

Assuntos relacionados

Nenhum voto, seja o primeiro



Amoedo
17/01/12


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
  1. muito bom essa resposta !!!!!!!!!!!!!!
    valew!!

    luis eduardo passig
    11/06/13 às 23:36