DIU efeitos colaterais

DIU é o nome dado a um método contraceptivo e é a abreviação de Dispositivo Intrauterino e traz em seu uso alguns efeitos colaterais.

DIUO DIU é um método que previne uma possível gestação. É chamado pelos médicos como Dispositivo Intrauterino, mas popularmente chamado de DIU, sendo este um método anticoncepcional que é inserido no útero da mulher. Este método tem a capacidade de impedir o processo chamado de nidação, que é quando o óvulo se fixa ao endométrio, podendo estimular assim uma possível inflamação no útero, sendo este o método contraceptivo.

Composição

DIUOs dispositivos intrauterinos são feitos com um material de polietileno que possuem diversos formatos e que podem conter ou não substâncias hormonais e metálicas que tem a função de exercer um efeito anticonceptivo quando são colocadas dentro da cavidade uterina das mulheres. Os DIUS possuem duas classificações: DIU não medicados que não contém e nem liberam substâncias ativas, sendo constituídos somente de polietileno e o DIU medicados ou ativos que possuem uma matriz de polietileno e que contém substâncias como metais de cobre e hormônios que exercem função de anticoncepcional, aumentando assim os seus efeitos contraceptivos.

                       

O DIU atua sobre os óvulos e espermatozoides de diversas maneiras, como por exemplo: estimulando uma reação inflamatória no útero que normalmente é causada por um corpo estranho, sendo usado especialmente os DIUs de cobre que aumentam a concentração de anticorpos do sistema imunológico como leucócitos, enzimas nos fluídos uterinos e tubários e prostaglandinas. Pode ocorrer também alterações bioquímicas que interferem no transporte dos espermatozoides até o aparelho genital feminino, impedindo a fecundação.

O DIU pode ficar no organismo de uma mulher de 3 a 5 anos em média e deve sempre ser vigiado por um médico para avaliar se tudo anda bem, podendo também ser aplicado em mulheres que nunca tenham tido filhos.

Efeitos colaterais

Dores menstruaisTrata-se de um método bastante seguro e eficaz, entretanto, pode trazer alguns efeitos colaterais secundários, como por exemplo: agravar dores menstruais, facilitar o aparecimento de infecções intrauterinas, provocar períodos menstruais com abundância de sangramento, por isso, a importância do uso da camisinha.

O DIU não pode ser colocado quando se há suspeita de uma gravidez, se a mulher sofre de neoplasias malignas no colo do útero, coagulopatias, má formação uterina congênita, suspeita de doenças sexualmente transmissíveis, sangramento uterino, cervicite aguda e história de doenças inflamatórias pélvica em sua última gestação.

Os DIUs de cobre são mais eficazes no organismo e produzem menos efeitos colaterais e as taxas de gravidez são mínimas, sendo mais baixas que as obtidas quando se faz uso de pílula anticoncepcional hormonal oral, injetável ou na forma de adesivos, sendo um método de longa duração e bastante eficácia.

1 voto



Thaís
20/07/11


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
  1. eu uso o diu e mi sinto bem

    marilha silva
    16/09/13 às 21:37
  2. eu uso o diu e meus exame sempre tou com anemia isso e normal

    marilha silva
    16/09/13 às 21:35
  3. eu posso em gravida usando diu

    leidiane
    04/02/13 às 15:24
  4. uso o diu mirena para ñ mestruar esse tbm tem efeitos colaterais ?

    Zilamorim
    07/08/12 às 17:01