Erros mais comuns de português

"Menas, seje, entrar pra dentro": Não cometa essas gafes que podem atrapalhar muito sua carreira profissional e acadêmica.

Lousa e gizÀs vezes, vemos algo escrito de forma errada e acreditamos que aquilo é certo. Sem perceber, passamos então a escrever a palavra daquele jeito e também a cometer o mesmo erro. Não é raro encontrarmos erros de português, e até mesmo profissionais da área cometem alguns deslizes na hora de elaborar um texto. Alguns desses “escorregões” são mais frequentes e, por isso, deve-se ter mais cuidado com eles. Seguem algumas dessas “pérolas”:

Erro

“Seje”, como em: “Seje” mais cauteloso.
Forma correta - Seja mais cauteloso: O verbo “ser” nunca pode virar “seje”. Essa palavra não existe no dicionário brasileiro e não quer dizer nada na língua escrita. Tal erro é um dos que chegam a perfurar os olhos de um leitor mais cuidadoso, portanto, elimine o “seje” do seu vocabulário. Sempre use, nesse caso, o Seja.

Erro

“Menas”, como em: Use “menas” gírias.

Professor PasqualeForma correta - Use menos gírias: Erro muito cometido por quem também comete o Erro 1, por também ser uma invenção de palavra. A palavra “menas” não existe na forma escrita do português. Menos nunca vira “menas”, mesmo quando relacionado com uma palavra feminina. O correto é: Tenha menos culpa, faça menos perguntas, recuse menos propostas.

Erro

“Fazem” dez anos, “Houveram” muitas mudanças.
Forma correta - Faz dez anos, Houve muitas mudanças: O verbo fazer, quando indica tempo, nunca muda de forma. Ele é chamado de verbo impessoal. Outro verbo assim é o há.Este, quando significa existir, também nunca alterará sua forma.

Erro

Fiz este trabalho há dez anos “atrás”.
Forma correta – Fiz este trabalho há dez anos: O verbo há, nesse caso, já mostra que o evento é passado. Colocar "atrás” configura pleonasmo, assim como “subir para cima”, “entrar para dentro” e “sair para fora”.

Erro

“Mal gosto”, “Mau cheiroso”.
Forma correta – Mau gosto, Mal Cheiroso:
Aqui, devemos decorar uma regra: mau é o contrário de bom e mal é o contrário de bem. Simples.

Erro

“Existe” pessoas belas e feias.
Forma correta –Existem pessoas belas e feias: O “existe” é diferente do “há” e flexiona seu tempo de acordo com o sujeito da frase. Se o sujeito estiver no plural, o “existe” deve virar “existem”.

Mais sobre Erros mais comuns de português

Erro

Eu prefiro frango “do que” bacon.
Forma correta – Eu prefiro frango a bacon: Sempre se prefere uma coisa a outra. Essa questão é de regência, se você tiver dificuldades com esse tipo de afirmações, procure o termo no Google. Lá, existem diversas aulas disponíveis.

 

Todos os que desejam escrever melhor devem assistir a série de vídeos “Análise Sintática Fácil e Descomplicada”, no Youtube (o primeiro vídeo está disponível, logo abaixo):

O português não é um bicho-de-sete-cabeças; basta prestar atenção na hora de escrever e sempre buscar reler os textos produzidos, fazendo uma verdadeira “caça aos erros”. O tempo gasto com certeza vale a pena e evita constrangimentos.




Amoedo
28/07/11

Mais informações por email.

Comentar sobre Erros mais comuns de português

Destaque

Corpo lúteo na gestação

Corpo lúteo na gestação

Veja Também

Dicas para aumentar os resultados da academia em seu corpo