Estrabismo infantil tem cura?

O estrabismo infantil é algo comum na infância por conta do sistema visual imaturo, entretanto, é algo que tem cura e tratamento disponível.

Bebê com estrabismo infantilO estrabismo é o desalinhamento dos eixos visuais logo nos primeiros anos de vida. É um problema que deve ser detectado o quanto antes para fazer o devido tratamento, sendo detectado pelos pais ou médicos facilmente, pois os olhos das crianças acabam adotando uma posição anormal. É feito um exame para analisar o alinhamento dos olhos e também do equilíbrio motor da criança.

Quando nascemos possuímos um sistema visual imaturo, mas com o passar do tempo os olhos ganham a capacidade de discriminar imagens e focalizar, por isso, as crianças são alvos do estrabismo, pois apresentam uma descoordenação dos movimentos oculares que resulta no desalinhamento dos eixos visuais, mas após os 6 meses de idade há um alinhamento definitivo dos eixos oculares. Mas, se caso estiver errado e o diagnóstico for confirmado é preciso identificar qual o tipo de estrabismo.

                       

Criança usando óculos

Tipos:

Constitantes – é o desvio dos olhos permanentemente observado, podendo ser monocular que é quando somente um se desvia ou alternado que é quando em algum momento é um olho que se desvia e em outro momento é o outro;

Intermitentes – que é quando em determinado momento os olhos estão alinhados e em outro eles estão desviados;

Latentes – é um estrabismo que só é possível identificar quando realizados testes oculares.

Bebê usando óculos.

Tem cura?

Na infância é possível tratar o problema com o uso de óculos e protetor ocular ou realizar uma cirurgia ocular realizada por um médico oftalmológico, corrigindo partes que os óculos não conseguem corrigir. Outra maneira de resolver o problema de modo natural é ajudar a criança a fazer exercícios visuais que também é chamada de fisioterapia ocular ou o uso temporário de óculos terapêuticos que fortalecem a musculatura ocular e que consegue reprogramar todas as funções cerebrais.

O estrabismo é algo que acomete principalmente as crianças que tem tratamento, entretanto, em determinados casos o problema pode retornar, sendo necessária uma nova cirurgia e o uso de óculos de grau em casos de não correção.

Nenhum voto, seja o primeiro



Thaís
30/09/11


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook