Intolerância a lactose tratamento

A intolerância à lactose é distúrbio que aflige parte da população brasileira. Como amenizar os problemas de rejeição ao leite?

Criança com a boca suja de leiteA intolerância a lactose é uma deficiência da enzima lactase, responsável por metabolizar a lactose quando o portador consome leite ou qualquer derivado do produto. Sem passar pela quebra, a lactose passa pelo intestino delgado sem ser absorvida, segue pelo intestino grosso, no qual a flora bacteriana fermenta o açúcar e ocorre a rejeição, já que o açúcar não é absorvido pela mucosa intestinal. A partir das ações das bactérias de fermentação, surgem os primeiros sintomas da doença.

Sintomas e tratamento

Médico consultando criançaA intensidade dos sintomas da intolerância modifica-se de acordo com a deficiência da enzima, mas, os sintomas mais comuns são os surtos de náuseas, caibras, sensações de estufamento, diarreia e outras complicações. Como o leite é um dos alimentos mais completos de nossa dieta, contendo proteínas, cálcio e outros importantes minerais, o dilema das pessoas que sofrem com a intolerância é como substituir tais elementos de forma suficiente.

                       

O tratamento da doença deve ser feito, sobretudo, com o acompanhamento de um nutricionista, para avaliar as necessidades de consumo diário das substâncias encontradas nos leites e seus derivados. Mas, alguns procedimentos colaboram com o intolerante à lactose de forma eficaz e simples. A redução do consumo de açúcar, por exemplo, ajuda a diminuir os sintomas da flora intestinal, sobrecarregada com as substâncias não metabolizadas, quando o paciente acabou de passar por alguma crise.

Consumo adequado

Médicos estudandoRecentemente, estudos apontaram que alguns derivados do leite podem ser consumidos, como os iogurtes, leites fermentados e alguns queijos, que têm suas propriedades modificadas e envelhecidas durante o processo de fabricação. Para alguns pacientes que possuem sintomas amenizados a ingestão de leite chega a ser permitida, desde que em pequenas quantidades e acompanhadas por refeições. A ingestão do leite, em algumas semanas, pode estimular a produção da lactase e estimular a tolerância.

Para o controle do distúrbio e um tratamento mais eficaz ainda devem ser considerados os fatores psicológicos, que podem potencializar espontaneamente os sintomas da intolerância.

Nenhum voto, seja o primeiro



Jessica
10/06/11



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook