Parto normal com anestesia peridural

O parto normal possui muitas vantagens para a mamãe e para o bebê, quando há necessidade algumas técnicas auxiliam na hora do nascimento.

Recém nascidoA gestação é um momento maravilho e único, pois representa a continuação dos seus sonhos, o sentimento de ser mamãe é especial, e por isso é necessário que haja cuidados para ter uma gestação saudável e evitar engordar para não prejudicar seu corpo e sua saúde.

Ganho de peso na gestação

O ideal é engordar entre 9 e 12 quilos, o excesso de peso prejudica a pele e pode causar estrias e celulite, é fundamental manter uma alimentação saudável e equilibrada com frutas, verduras, legumes, carne vermelha magra, cereais integrais, grãos, leite e seus derivados, alimentos ricos em fibras para melhorar o funcionamento do intestino.

                       

Contrações

Percebe-se que está no momento do parto devido as contrações que surgem, a dor faz com que o organismo da mulher produza os hormônios chamados endorfinas que ajudam a diminuir a dor e relaxa a mulher, que fica mais resistente para enfrentar todo o processo do parto. É fundamental manter a calma e deixar que as coisas aconteçam naturalmente, o próprio nome diz parto normal, ele faz parte da vida e vai acontecer da melhor forma possível.

Parto normal

Pós partoOs benefícios são vários, tanto para a mamãe como para o bebê, pois a mulher tem uma recuperação rápida e isso diminui o risco de infecção hospitalar até uma incidência menos de desconforto respiratório do bebê. Quando as dores são intensas é aplicada uma anestesia peridural para aliviar a dor e facilitar o momento do parto, já quando o espaço para o bebê passar é insuficiente é realizada uma episiotomia que consiste na realização de um corte cirúrgico feito na região perineal, esse procedimento facilita a saída do bebê para evitar a ruptura dos tecidos perineais.

Muitas técnicas ajudam a aliviar a dor no momento do parto normal, vários procedimentos de rotina são realizados quando a mamãe chega ao hospital como verificação da pressão arterial, freqüência cardíaca e aferição de temperatura, lavagem intestinal e raspagem dos pelos pubianos, o médico avaliam a dilatação do colo do útero durante as contrações.

1 voto



Thaís
30/06/11


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook
    elizabeth firmino moreira - 19/06/2013

    eu vejo assim,que os profissionais a cada dia buscam avançar,mas com o uso da anestesia no parto normal,deixa de ser um procedimento natural,sem contar as consequências que pode trazer.