Plano Marshall e Doutrina Truman resumo

A Doutrina Truman e o Plano Marshall, implantadas pós Segunda Guerra, foram decisivas para os acontecimento da Guerra Fria.

Conferência-da-Doutrina-TrumanAo fim da Segunda Guerra Mundial, os países do continente europeu se encontravam enfraquecidos econômica e politicamente.

Depois de analisar a crise, os Estados Unidos chegaram a conclusão que o quadro instável das nações europeias poderia colocar todo o sistema capitalista em risco, o que abriria espaço para o crescimento do comunismo e consequentemente da URSS, este que é o principal rival dos Estado Unidos no contexto pós Segunda Guerra.
O ex-presidente americano Harry S. Truman

                       

Doutrina Truman

A Doutrina Truman foram as ações tomadas pelos Estados Unidos, em âmbito mundial, para fortalecer o sistema capitalista e conter o avanço do socialismo soviético. A Doutrina recebeu este nome pois foi lançada em um discurso do então presidente Harry S. Truman, em março de 1947. Truman utilizou as seguintes palavras com relação ao sistema socialista: “defender o mundo capitalista contra a ameaça socialista”.

Plano Marshall

O Secretário de Estado americano, George C. Marshall O Plano Marshall, ou Programa de Recuperação Europeia, é um aprofundamento da Doutrina Truman, e recebeu o nome do Secretário do Estado dos Estados Unidos, George Marshall. Foi a medida mais importante tomada pelos Estados Unidos para a reconstrução dos países aliados na Europa. O plano injetou na economia europeia mais de US$ 13 bilhões para assistência. Em um encontro para lançamento do Plano Marshall, com a  União Soviética como convidada, Stalin tomou como o evento como uma ameaça, proibindo a participação dos países sob controle soviético.

Apesar da Guerra Fria ter começado com o lançamento da bombas atômicas pelo Japão, pela didática ela teve início juntamente com a Doutrina Truman. E ainda, com relação ao Plano Marshall vale a pena ser dito que as ações foram muito bem sucedidas. Os países envolvidos apresentaram incrível crescimento econômico e o socialismo deixou de ser visto como uma ameaça. A popularidade dos partidos e organizações comunistas teve enorme queda.

Assuntos Relacionados

2 votos



Maria Eduarda
13/01/12


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook