Alimentação saudável para idosos

A alimentação é essencial em qualquer fase da vida, mas, na velhice a alimentação saudável é necessária para a saúde dos idosos. Veja!

Alimentação saudável para idosos

Com uma expectativa de vida cada vez maior, os idosos estão chegando à terceira idade com muita saúde, disposição e qualidade de vida. Mas, isso se deve ao fato de que a maioria dos idosos seguem hábitos saudáveis, em especial, uma alimentação correta, equilibrada e uma prática de exercícios regulares.

Considerado um ciclo natural da vida, a velhice faz parte da nossa existência, por isso, cuidar da nossa saúde e se tornar um idoso saudável é imprescindível para obter a tão almejada qualidade de vida na velhice. Por isso, investir em rotinas saudáveis desde a infância até a velhice é a única maneira de manter a saúde física e mental em dia.

Se você quer se tornar um idoso ativo e cheio de saúde ou quer ensinar os idosos a como melhorar a qualidade de vida, conheça algumas informações essenciais sobre a alimentação saudável e equilibrada para os idosos:

Alimentação equilibrada e saudável para a terceira idade

Devido às alterações fisiológicas decorrentes da idade, muitos idosos apresentam dificuldades para se alimentar corretamente, entre elas, a falta de dentes, a falta de coordenação para preparar sua própria refeição, a dificuldade na locomoção para comprar o alimento e até mesmo a diminuição do estômago que tolera pouca comida. Por isso, o cuidado com o idoso é de extrema importância.

Alimentação saudável e balanceada para idosos

Para manter uma alimentação saudável e equilibrada na idade avançada, a dica é ingerir de 5 a 6 porções de cereais por dia, entre eles, arroz, milho, massas, pães ou batatas, dando ênfase aos integrais que ajudam a melhorar o trânsito intestinal, ingerir 1 porção de leguminosas como feijão, lentilha, soja ou grão de bico por dia, consumir de 3 a 4 porções de leites e derivados para repor as necessidades de cálcio que estão comprometidas nesta fase da vida, consumir 1 porção de carnes magras e ingerir de 3 a 4 porções de frutas, legumes e verduras por dia.

Alimentação para idosos hipertensos

A hipertensão arterial é uma patologia que acarreta em sérias complicações se não controlada, por isso, investir em uma alimentação saudável que a mantenha sempre controlada é essencial para manter a qualidade de vida e o bem estar dos idosos hipertensos.

Alimentação para idosos hipertensos

Como dica é necessário evitar alimentos ricos em sódio em sua composição como os alimentos industrializados em geral (temperos prontos, molhos prontos, salgadinhos), embutidos (salame, presunto) e o sal.

Alimentação para idosos diabéticos

A diabetes vem se tornando cada vez mais comum em indivíduos maiores de 40 anos e isso se deve ao hábito alimentar inadequado durante a fase adulta, acarretando então em problemas na produção de insulina pelo pâncreas, o qual foi muito sobrecarregado ao longo dos anos. Os idosos diabéticos devem tomar cuidado com a alimentação e manter o controle da glicemia diariamente, principalmente após as refeições e fazer uso diário de hipoglicemiantes.

No quesito alimentação, deve-se optar por alimentos ricos em carboidratos de baixo índice glicêmico, ou seja, que liberam glicose em pouca quantidade no sangue e não causam hiperglicemia. Entre os mais indicados estão os integrais como pão integral, aveia e linhaça, frutas como maçã, pera, abacate, laranja, ameixa, goiaba e mexerica. Já entre os contra indicados estão os da categoria carboidrato simples como o açúcar refinado, refrigerantes e os doces em geral.

Alimentação para idosos diabéticos

Por possuírem algumas restrições físicas, o recomendado é oferecer aos idosos legumes e verduras cozidas em forma de sopa ou purê, as carnes já desfiadas para facilitar a mastigação e as frutas em forma de sucos ou vitaminas.

Quer saber mais sobre a alimentação dos idosos? Então, assista ao vídeo que segue abaixo.

Veja mais sobre a alimentação

21/02/14 por Thaís

   

Mais informações por email

Comentar